Mitos e Verdades sobre a Alimentação com Frutos do Mar que Você Precisa Saber

Mitos e verdades sobre comer frutos do mar

Para quem é fã de frutos do mar, incluir esses deliciosos alimentos nas refeições diárias não é nenhum sacrifício, especialmente quando se encontra um bom restaurante que prepare pratos incríveis com peixes, crustáceos e moluscos.

No entanto, como são muitos os tipos de frutos do mar, não é incomum ouvir informações que incentivam e outras que recriminam a ingestão de algumas espécies. Para esclarecer algumas delas, fizemos esta seleção com cinco mitos e verdades sobre o consumo desses alimentos que vêm das águas. Confira!

2 Mitos da alimentação com frutos do mar

Confira dois mitos sobre comer pratos que levam frutos do mar.

1. Gestantes não devem comer frutos do mar

Há muita gente que acredita que certos frutos do mar devem ser evitados durante a gestação, especialmente pela possível concentração de mercúrio em sua carne e pelo seu maior risco de contaminação. No entanto, desde que bem cozidos, todos os tipos de peixes, crustáceos e moluscos podem ser consumidos normalmente por mulheres grávidas.

2. Nem todos os peixes são rica fonte nutricional

Você com certeza já ouviu falar, inclusive aqui no blog, que peixes e frutos do mar são super saudáveis. Mas ainda há quem pensa que a qualidade nutricional está restrita a alguns tipos de alimentos vindos das águas: um engano. Todos os peixes e outras espécies de alimentos aquáticos são rica fonte de nutrientes.

3 Verdades da alimentação com frutos do mar

Veja três verdades sobre o consumo de receitas que levam frutos do mar:

1. Contribuem para a prevenção de doenças

A riqueza nutricional dos peixes e frutos do mar é comprovada pela alta concentração de substâncias como o Ômega 3 em sua carne. Além de serem rica fonte de proteínas de ótima qualidade, como os aminoácidos, e vitaminas como a A e a D. Todas essas substâncias fazem bem ao organismo e à saúde, prevenindo e diminuindo o risco de doenças como o câncer, a demência e os problemas cardíacos.

2. Salmão combate a flacidez

Um dos peixes preferidos de quem ama frutos do mar, o Salmão, com sua alta concentração de Ômega 3 estimula a produção de colágeno, substância responsável por manter a firmeza da pele. Além de diminuir o colesterol ruim (LDL) e impedir a inflamação das artérias e a retenção de líquido.

3. Grávidas e crianças devem evitar comer peixe cru

No tópico sobre os mitos da alimentação com frutos do mar, nós dissemos que mulheres gestantes não precisam evitar o consumo de peixes, crustáceos e moluscos. Mas é importante ressaltar que esses alimentos estão liberados sem restrições para grávidas apenas quando cozidos.

Mulheres esperando bebê e crianças até dos dois anos de idade devem evitar o consumo de peixes cruz pelo alto risco de eles abrigarem microorganismos que fazem mal à saúde e também poderem causar indigestão e inflamações estomacais.

Agora que você conheceu alguns mitos e verdades sobre o consumo de frutos do mar, lembre-se sempre de escolher bem o lugar onde vai degustar as deliciosas receitas preparadas com esses ingredientes, para provar pratos cheios de sabor e muito nutritivos.

 

yzzer.com – Viaje fácil, viaje yzzer! Uma empresa Coco Bambu.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *